sexta-feira, 13 de março de 2015

Babka de Chocolate // Chocolate Babka


E aqui estou eu hoje a cumprir o que vos prometi esta semana!! Lembram-se desta minha receita de Creme de Chocolate e Avelãs? (podem ver a receita completa aqui). Pois bem, eu disse-vos que tinha feito este frasquinho com um objetivo e que, muito em breve, vos mostrava qual tinha sido o seu destino...e cá está ele :)



Uma gulodice originária da Polónia, a Babka é, basicamente, um pão do género brioche. Quando, a folhear umas revistas de culinária que tinha aqui por casa, me deparei com uma imagem super apetecível desta receita, resolvi de imediato que tinha de a experimentar! Segui a receita da massa mas o recheio foi, como já referi, o meu Creme de Chocolate e Avelãs!
Uma sugestão maravilhosa para o Dia do Pai que está mesmo aí à porta!! :)



Ingredientes: 
500 gramas de farinha branca para pão (strong white bread flour)
1 colher de chá de sal
75 gramas + 2 colheres de sopa de açúcar mascavado
10 gramas de fermento de padeiro (em pó)
125 ml de leite
3 ovos batidos
150 gramas de manteiga sem sal, ligeiramente amolecida
Creme de chocolate e avelãs a gosto (usei esta receita)
2 colheres de sopa de avelãs bem picadas
1 mão bem cheia de chocolate preto picado finamente (ou pepitas)




- Numa taça grande e larga, misturar a farinha, o sal e as 75 gramas de açúcar mascavado. Abrir um buraco ao centro e colocar nele o fermento.


- Aquecer o leite, retirando-o do lume mesmo antes de começar a ferver. Vertê-lo no centro da mistura de farinha, seguido dos ovos batidos. Envolver tudo muito bem até que forme uma massa suave.


- Com as mãos, ir adicionando gradualmente a manteiga a esta massa, envolvendo e socando-a sempre, até que deixe de estar pegajosa e já não se cole com facilidade à taça ou às mãos (se necessário, para ajudar, polvilhem com mais uma pequena pitada de farinha). Deixar a bola de massa na taça, cobrindo-a bem com película aderente, e deixar repousar por 2 horas, até que duplique de volume.


- Ao final desse tempo, verter a massa numa bancada bem enfarinhada e socá-la mais um pouco até que esteja mais elástica e maleável. Com o rolo, estendê-la depois num retângulo.


- Barrar generosamente este retângulo de massa com o creme de chocolate e avelãs, polvilhando-o ainda com as restantes avelãs e chocolate picados.



- Com cuidado, enrolar bem a massa como se de uma torta de tratasse, começando por um dos lados mais pequenos do retângulo.


- Aparar as extremidades e, com a ajuda de uma boa faca, ligeiramente enfarinhada, cortar este rolo ao meio no sentido do comprimento, formando duas tiras compridas de massa.


- Entrançar estas duas tiras uma na outra, dando-lhes um formato circular e pressionando as suas extremidades para as fechar numa coroa. Transferir para um tabuleiro forrado com papel vegetal, cobrir bem com película aderente e deixar a massa repousar por mais 45 minutos, até que duplique novamente o seu tamanho.


- Ao final deste tempo, levar o tabuleiro ao forno, previamente aquecido a 180ºC, durante cerca de 35 a 45 minutos, até a babka estar bem douradinha e cozinhada no interior (se, ao final de 25-30 minutos, verificarem que a massa está a escurecer muito rapidamente, cubram-na com papel vegetal e voltem a colocar no forno até que esteja pronta).


- Entretanto, levar ao lume as restantes colheres de sopa de açúcar juntamente com duas colheres de sopa de água, fervendo durante cerca de 2 minutos, até que espesse e forme um xarope. 


- Pincelar a babka com metade deste xarope, mal a retirem do forno. Deixar repousar no tabuleiro por 15 minutos. Ao final desse tempo, pincelá-la com o restante xarope e retirá-la para uma rede para que arrefeça totalmente. 


14 comentários:

  1. e que sugestão tão boa...como eu adoro chocolate e esse creme de chocolate e avelas nessa babka 5*


    www.ocantinhodosgulosos.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  2. Não se faz... Não se faz mesmo. Agora que estou em aulas é que publicas isto? De estivesse em casa, ia já ligar o forno!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. :D ahahah Sabes que eu gosto de provocar sempre um bocadinho de desordem :P

      Eliminar
  3. Linda e com um recheio irresistivel.
    Bom fim de semana
    bj

    ResponderEliminar
  4. Que óptima sugestão para utilizar a nutella :P

    http://deaprendizachef.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Daniel :P Como eu não sou bem como tu, a Ovelha Negra e metade da população mundial...precisei de lhe dar uma utilidade mais do meu agrado :P hehe
      E digo-te que foi a melhor utilidade que lhe dei até hoje, muito provavelmente ;)

      Eliminar
  5. Esse pão ficou com um aspecto irresistivel.
    Tenho saudades dos desafios "Há vida além da massa de atum".

    Beijinhos,
    Clarinha

    http://receitasetruquesdaclarinha.blogspot.pt/2015/03/dorie-as-sextas-e-muffins-de-noz-e.html

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Clarinha :)
      Nós também temos saudades acredita mas, neste momento, eu e a Ovelha Negra estamos com as vidas pessoais e profissionais bem ocupadas e não temos tido tempo para lhes dar seguimento...mas pode ser que muito em breve voltemos à carga :P
      Beijinhos *

      Eliminar
  6. Belo babka! O mais bonito que já vi... :P
    Parece um bolo rei de chocolate que comi há uns anos. TÃO bom :)
    Por acaso gosto de coisas do género brioche. Quero dizer, gosto delas intermitentemente. Nos próximos 28 dias já não gosto. Só para tratar da minha sanidade mental ;)
    Belo uso para o creme! Aposto que ficou delicioso :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Confesso que quase fiquei emocionada com este comentário Avelã :D :P
      O mais bonito?! Uauauuuuuu!! hehe Obrigada :D

      Eliminar